domingo, 17 de junho de 2018

Mensagem do Anjo da Semana!

Saudações Amigas(Os)!!!

...Que está junto de você para
guiá-lo. Confie ... Pode seguir
tranquilo. Agora os medos e a
insegurança serão eliminados.
Confie! Respire profundamente...
É tempo de viver com ...

Humor e
Jogo

Namastê!

sábado, 16 de junho de 2018

Ative a sua Química da Felicidade: Serotonina, Dopamina, Endorfinas e Oxitocina!

Saudações Amigas(Os)!!!


Olá gente! Acabei de entender como ativar a nossa química interior para gerar com o poder da mente o programa “bem estar” pessoal, aquele que nos traz a sensação de felicidade. Esse efeito ocorre quando temos em nossa corrente sanguínea substâncias que criam essa maravilhosa magia: Serotonina, Dopamina, Endorfinas e Oxitocina. Podemos sim ser pró-ativos em criar a nossa química da felicidade! Essa é uma mensagem de motivação para cultivar na nossa mente o hábito de ser feliz e ter mais saúde e bem estar.

(Baseado no artigo em inglês de Thai)

Podemos não ter a Árvore do Dinheiro, mas Podemos ter a Árvore da Felicidade

Dopamina, Serotonina, Oxitocina e Endorfinas formam o quarteto responsável pela nossa felicidade. Muitos eventos podem acender esses neuro-transmissores, mas a boa notícia é que existem modos com os quais podemos intencionalmente ocasionar a circulação deles no nosso corpo.
Cultivar um estado emotivo positivo causa impactos significativos na nossa motivação, produtividade e bem estar. Nenhuma pessoa em sã consciência pode se opor a se sentir feliz.

Aí vão alguns simples modos de ativar a sua neuro-química da positividade:


Dopamina

A Dopamina nos motiva a tomar atitudes em direção aos nossos objetivos, desejos e necessidades, e também nos proporciona uma ótima sensação de poder pessoal ao atingir nossas metas. Procrastinação, dúvidas interiores, e falta de entusiasmo estão ligados com baixos níveis de dopamina. Estudos com cobaias de ramters mostraram que com baixos níveis de dopamina, as cobaias optavam pela escolha mais fácil e que ofereciam menos comida. Aquelas com maiores níveis de dopamina se esforçavam mais para conseguir o dobro de comida.

Dividir os grandes objetivos em pequenos pedaços, nos permite criar muitas linhas de chegada para comemorarmos, e cada pequena conquista libera dopamina. Porém é crucial realmente celebrar: compre uma garrafa de vinho, vá ao seu restaurante preferido, sempre que você atingir um pequeno objetivo.
Ao invés de ficar com “ressaca” de dopamina com um só grande objetivo, crie novos pequenos objetivos antes mesmo de conquistar o objetivo maior. Assim não se “desperdiça” a dopamina com uma só grande dose, mas nos asseguramos de criar um fluxo contínuo de menores doses, que nos dão a boa sensação de estar se aproximando do objetivo maior.
Um bom empregador ou líder, pode reconhecer os resultados atingidos pelo seu time, por exemplo, enviando um e-mail de congratulação, ou dando um bônus. Esses pequenos atos de inaltecimento irão dar uma injeção de dopamina e um incremento futuro de motivação e produtividade aos empregados.



Serotonina

A Serotonina flui quando você se sente significativo e importante. A solidão e a depressão aparecem quando a serotonina se abstém. É uma das razões pelas quais as pessoas entram em gangues e atividades criminais. O Neurocientista da Universidade de Princeton, Brarry Jacobs, explica que a maior parte dos anti-depressivos focam na produção de serotonina.
Refletir sobre sucessos significativos do passado ajudam o cérebro a reviver essas experiências. O nosso cérebro não sabe distinguir o que é real e imaginário, por isso ele produz a serotonina em ambos os casos. Por isso que a gratidão ou o ato de observar a realidade com o prazer de apreciar as coisas belas, é uma coisa muito popular, porque faz o seu cérebro produzir serotonina. Se você precisa de uma injeção de serotonina depois de um dia difícil e estressante, reserve alguns momentos para refletir em vitórias ou sucessos do passado, mesmo pensando em pequenas coisas que fazem cantar o seu coração.
Vá comer ao ar livre ou tomar um café fora para se expor ao sol por 20 minutos; A nossa pele absorve os raios UV que ajudam a produzir Vitamina D e serotonina. Embora a exposição excessiva aos raios UV não seja saudável, a exposição diária por alguns minutos é muito indicada para elevar o nível de serotonina.



Oxitocina

A Oxitocina cria intimidade, confiança, e constrói relações saudáveis. É secreta quando homens e mulheres atingem o orgasmo, e pelas mães durante o trabalho de parto e aleitamento ao seio. Os animais rejeitam as suas crias quando a oxitocina é bloqueada. A oxitocina aumenta a fidelidade, e cultiva-la é essencial para criar fortes laços interpessoais e interações sociais significativas.
Muitas vezes a oxitocina é tida como o hormônio do “aconchego”. Por isso, uma simples forma de manter a oxitocina fluindo é dar um abraço em alguém. O Dr. Paul Zak explica que o toque entre as pessoas, além de aumentar o nível de oxitocina, reduz o stress cardiovascular e também melhora o sistema imunitário. Por isso, vá além do tradicional aperto de mão e invista em um sincero abraço! O Dr. Zak recomenda bem oito abraços por dia!
Quando alguém recebe um presente, o nível de oxitossina aumenta. Você pode melhorar as suas relações pessoais e de trabalho através de um simples presente de aniversário.


Endorfinas

As Endorfinas são liberadas em resposta à dor e ao stress, e ajudam a aliviar a ansiedade e a depressão. O efeito de entusiasmo e euforia que uma vigorosa corrida te oferece é resultado das endorfinas que o cérebro produz. Similar à morfina, as endorfinas agem como analgésico e sedativo, diminuindo a nossa percepção de dor.
Junto com exercícios regulares, rir é uma das formas mais fáceis de induzir a produção de endorfina. Mesmo a antecipação e expectativa de um evento que sabemos que nos fará rir, como esperar por um show de comédia, aumenta os níveis de endorfinas. Fazer o nosso senso de humor funcionar, encaminhando aquele email engraçado, e encontrando muitas pequenas coisas do que rir durante o dia é um ótimo método para manter o médico bem longe da gente!
Aromaterapia: os odores de baunilha e lavanda são ligados com a produção de endorfinas. Estudos mostraram que chocolate amargo e comidas picantes também causam a liberação de endorfinas pelo cérebro. Mantenha alguns óleos perfumados e chocolate amargo na sua escrivaninha para uma rápida injeção de endorfina!


O segredo está em sentar-se no banco do piloto do carro da sua vida, ou seja, tome você mesmo o controle! Ao invés de ficar esperando que a felicidade apareça de repente, essas estratégias podem agir como um ótimo catalisador para você criar o hábito de ser pró-ativo e trazer a felicidade para a sua vida!

 Fonte: http://www.jayaespacocorpo.com.br/ative-a-sua-quimica-da-felicidade..

Namastê!

domingo, 10 de junho de 2018

Mensagem do Anjo da Semana!

Saudações Amigas(Os)!!!

... Que está junto de você para guiá-lo.
Confie ... Pode seguir tranquilo.
Agora os medos e as inseguranças
serão eliminados. Confie !
Respire profundamente ...
É tempo de viver com ...

Expansão e
Alegria

Namastê!

domingo, 3 de junho de 2018

Mensagem do Anjo da Semana!

Saudações Amigas(Os)!!!

...Que anuncia que você atingiu esse
objetivo tão querido. Solte - se ...
Agora o céu o ajuda dando-lhe a
energia adequada; o exito é seu.
Atue com ...

Expansão e
Alegria

Namastê!


sexta-feira, 1 de junho de 2018

A Dor na visão Metafísica da Saúde !



 Saudações Amigas(os)!!!

Antes, quem sentia dor sofria sozinho. 
Hoje as pessoas que padecem desse mal contam com uma infinidade de recursos, como medicamentos analgésicos, aparatos clínicos e diferentes especialidades médicas, para minimizar a dor.
No entanto, não se pode dizer que agora é o melhor momento para sentir dor, pois a dor é sempre um sofrimento, não importa a ocasião.

Estima-se que, atualmente, milhões de pessoas sofram de dores crônicas.

Esse tipo de dor não possui uma causa orgânica óbvia; trata-se de uma manifestação complexa, com diversos “gatilhos” que a acionam. 
É diferente das dores agudas, que são mecanismos de proteção do corpo e desaparecem em pouco tempo juntamente com o seu desencadeador. 

A crônica, por outro lado, persiste durante meses e anos e é considerada uma doença.

Alguns exemplos de dores crônicas são as enxaquecas, dores nas costas, fibromialgia e outras. 

Como qualquer doença, precisa ser tratada individualmente e por médicos especializados.
Existem também os benefícios das técnicas não convencionais, tais como a acupuntura, que tem sido bastante eficaz na redução desses sintomas.

Os procedimentos clínicos e medicamentosos são conhecidos, porém, a investigação das causas emocionais são pouco difundidas, tampouco acessadas pelas pessoas acometidas pela dor. 

A metafísica da saúde se dedica a estudar o assunto e a apontar as condições internas que colaboram com a manifestação das dores agudas e crônicas, bem como as atitudes saudáveis que as minimizam.

Segundo a Metafísica da Saúde, as pessoas que sofrem de dores crônicas são enfáticas, geralmente atuam na vida com intensidade e possuem grande capacidade realizadora. 
Ao mobilizarem o seu potencial, elas promovem mudanças significativas no meio em que vivem, além de serem capazes de empreender projetos de melhoria pessoal e profissional.
Enquanto os potenciais de atuação no mundo não são viabilizados para o meio em que vivem, essa força se converte em profundos abalos emocionais que afetam a saúde.

Em vez de executar ações, as pessoas reprimem o seu poder e começam a se ferir. 

Ficam indignadas com os obstáculos, frustram-se com os insucessos profissionais ou decepcionam-se nas relações pessoais.

Para não desestabilizar ainda mais o ambiente ou ferir suscetibilidades alheias, optam por se conter, transformando o potencial realizador em fonte de abalos emocionais que, metafisicamente, ocasionam as dores. 

Para mudar esse padrão, é necessário rever os valores que levaram a pessoa a se colocar a favor dos outros e contra si, adquirir a consciência de que as mudanças externas melhoram as condições de vida — no começo elas abalam, mas depois surgem os benefícios.
Sobretudo, é preciso respeitar a sua natureza, compreender que a sua intensidade não permite postergar as ações inevitáveis.

Caso esteja impedido de agir, elabore suas frustrações para evitar lamentações.

Aceite os limites sem revolta.
Não queira mudar o mundo ou transformar as pessoas; faça a sua parte, delegue aos outros ou deixe tudo a cargo do tempo, e as soluções virão independentemente da sua atuação.
Não se impregne com as confusões exteriores, deixe-as do lado de fora do seu ser; não polua seus sentimentos com os absurdos exteriores.
Lembre-se: a sua saúde é mais valiosa do que todo o resto à sua volta.

A leitura do significado metafísico da dor aguda é feita juntamente com a doença que a provocou.
A pessoa contribui para minimizar a sua própria dor quando aceita as limitações impostas pela doença, respeitando-se e cuidando-se em vez de cobrar-se eficiência nos momentos em que se encontra adoecida.
A convalescença sem estresse favorece a recuperação.

Texto de  Valcapelli

Namastê !

domingo, 27 de maio de 2018

Mensagem do Anjo da Semana!

Saudações Amigas(os)!!!

...Que lhe dá boa sorte. Decida-se
a ser feliz! E nada e ninguém
poderá impedi-lo a sê-lo!
Dou-lhe o poder mais precioso
para alcançar a felicidade.
Dou- lhe ...

Verdade e
Justiça

Namastê!

sexta-feira, 25 de maio de 2018

Tipo de açúcar importa tanto quanto a quantidade?

Saudações Amigas(Os)!!!


Quantidade e qualidade

O tipo - e não apenas a quantidade de calorias - do açúcar que você ingere importa quando o assunto são os riscos de problemas de saúde.

Apesar da multiplicidade de estudos sobre o açúcar e a saúde, parece que até agora os cientistas não haviam se preocupado em comparar os efeitos do tipo do açúcar sobre as funções metabólica e vascular.

Foi o que fizeram Gemma Sangüesa e seus colegas da Universidade de Barcelona (Espanha), conforme descrito em um artigo publicado na revista científica Heart and Circulatory Physiology.

E os resultados mostraram que importa muito se você está consumindo glicose ou frutose.

Glicose ou frutose

Sangüesa adicionou dois tipos de açúcar à alimentação sólida normal de animais de laboratório. O primeiro grupo recebeu uma solução líquida de glicose (uma forma de açúcar encontrada naturalmente no corpo pela quebra dos carboidratos), enquanto o segundo grupo recebeu uma solução de frutose (um tipo açúcar encontrado nas frutas e sucos). Um terceiro grupo, de controle, recebeu um adicional de água.

Os animais receberam as soluções adoçadas por oito semanas, o que equivale a uma pessoa ingerir quantidades excessivas de açúcar por seis anos.

Embora os dois grupos alimentados com açúcar consumissem mais calorias do que o grupo de controle, a ingestão calórica total dos animais alimentados com glicose foi maior do que a ingestão calórica daqueles que receberam frutose.

Mas a observação surpreendente foi que "apesar desta diferença, apenas o grupo da frutose apresentou um aumento significativo no peso corporal final," escreveu a equipe de pesquisa.

Conheça cinco alimentos que escondem açúcar
Marcadores alterados

Além do maior ganho de peso, o grupo que ingeriu frutose apresentou mais marcadores de doença vascular e lesão hepática do que o grupo da glicose.

Estes marcadores incluem triglicérides elevados, aumento do peso do fígado, diminuição da queima de gordura no fígado (um fator que pode contribuir para a doença hepática gordurosa não-alcoólica) e relaxamento da aorta, que pode afetar a pressão arterial.

Isto indica que um aumento na quantidade de calorias consumidas devido aos adoçantes não é o único fator envolvido no aumento de riscos à saúde a longo prazo. O tipo de açúcar também pode desempenhar um papel no aumento dos fatores de risco para doenças cardíacas, diabetes e outras doenças crônicas.

Fonte:Redação do Diário da Saúde.

Namastê!